top of page

Precisamos falar de ENGENHARIA SOCIAL!

No mundo cada vez mais conectado e digitalizado em que vivemos, a segurança cibernética se tornou uma preocupação crescente. Enquanto a maioria de nós está familiarizada com os termos "vírus" e "malware", há uma técnica de ataque que é igualmente perigosa, mas muitas vezes menos compreendida: a engenharia social.

A engenharia social é a arte de manipular pessoas para obter informações confidenciais, acesso a sistemas ou para induzi-las a realizar ações que comprometam sua própria segurança. Em vez de atacar diretamente sistemas de computador ou redes, os hackers que utilizam a engenharia social exploram a natureza humana, muitas vezes explorando a confiança, a curiosidade ou o medo das vítimas.





Como Funciona a Engenharia Social?


Para entender como a engenharia social funciona, é preciso conhecer alguns dos métodos mais comuns utilizados por hackers:

1. Phishing: Este é um dos métodos mais conhecidos e comuns. Os hackers enviam e-mails falsos que parecem ser de fontes legítimas, como bancos ou empresas, solicitando informações confidenciais, como senhas ou números de cartão de crédito. Eles tentam convencer as vítimas a clicar em links maliciosos ou abrir anexos que podem conter malware.

2. Pretexting: Neste método, os hackers criam uma narrativa fictícia para enganar a vítima e obter informações. Por exemplo, um hacker pode ligar para um funcionário de uma empresa se fazendo passar por um colega de trabalho ou um representante de suporte técnico e pedir informações confidenciais, como números de identificação ou senhas.

3. Pharming: Nesse cenário, os hackers redirecionam o tráfego da web de um site legítimo para um site malicioso, sem que o usuário perceba. Isso pode ser feito manipulando as configurações de DNS (Sistema de Nomes de Domínio) ou comprometendo roteadores.

4. Engenharia Social em Mídias Sociais: Os hackers podem criar perfis falsos em mídias sociais e usar informações públicas sobre a vítima para construir relacionamentos falsos e obter informações pessoais ou de login.

5. Engenharia Social em Pessoas de Confiança: Os hackers também podem mirar em pessoas de confiança, como amigos, familiares ou colegas de trabalho, para obter informações sensíveis sobre a vítima. Eles podem, por exemplo, pedir a uma pessoa próxima para revelar senhas ou outras informações confidenciais.

6. Ataques de Tailgating e Shoulder Surfing: Em ambientes físicos, hackers podem usar a técnica de "tailgating" para entrar em prédios ou salas restritas junto com funcionários legítimos. O "shoulder surfing" envolve observar as ações de uma pessoa para obter informações confidenciais, como senhas digitadas em um teclado.


Prevenção e Conscientização


A prevenção contra ataques de engenharia social é crucial em nossa era digital. Aqui estão algumas dicas para proteger-se e proteger sua organização:

1. Educação e Conscientização: A conscientização é a primeira linha de defesa. Treine-se e treine sua equipe para reconhecer tentativas de engenharia social e desconfiar de solicitações de informações confidenciais.

2. Políticas de Segurança Sólidas: Tenha políticas de segurança rigorosas em vigor que incluam procedimentos para verificar a autenticidade de solicitações de informações sensíveis.

3. Autenticação de Dois Fatores (2FA): Sempre que possível, ative a autenticação de dois fatores em suas contas. Isso adiciona uma camada adicional de segurança.

4. Verificação de Fontes: Sempre verifique a autenticidade de e-mails, chamadas telefônicas ou mensagens suspeitas antes de compartilhar informações sensíveis.

5. Proteja Suas Mídias Sociais: Seja cauteloso com quem você conecta nas mídias sociais e limite o compartilhamento de informações pessoais.


A engenharia social é um lembrete de que, além de proteger nossos dispositivos e redes, devemos também estar atentos às artimanhas dos hackers que exploram nossa natureza humana. A educação e a conscientização são armas poderosas contra esse tipo de ataque. Portanto, mantenha-se informado e protegido na era digital em constante evolução.


Lembre-se: a segurança cibernética é uma responsabilidade compartilhada por todos nós.



PARCEIROS


Além de soluções SaaS, a CTA oferece consultoria e assessoria para que os ganhos com o uso dos softwares sejam alcançados no menor espaço de tempo. O projeto da CTA chama-se Prefeitur@Rápida e, tem exatamente esta função: simplicidade e agilidade. - Clique e saiba mais,


Plataforma de Gestão 4.0 o ERP mais completo com custo benefício que atende do MEI ao EPP sem muita complicação e facilidade de integração por utilizar plataforma SaaS - Clique e saiba mais, "Condições especiais para contabilidades".


Plataforma de Gestão de LGPD descomplicada que cabe no seu bolso, atende do MEI ao EPP com fácil utilização, plataforma SaaS - Clique e saiba mais.



Comprometimento com resultados buscando sempre a excelência na gestão do seu negócio. Segurança da Informação e Conformidade na Proteção de Dados, Respeito aos clientes, colaboradores e demais envolvidas retribuindo a confiança depositada. LAGES/SC - Entre em contato ainda hoje.


Entregue a adequação de sua empresa para a SOMAXI, e descubra porque somos a empresa que chegou para somar!













61 visualizações1 comentário

1 Comment

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
Luiz Gomes
Luiz Gomes
Oct 12, 2023

#chegamosparasomar


Like
bottom of page